Perfil de vendedor: descubra 7 habilidades para vender mais!

Perfil de vendedor: descubra 7 habilidades para vender mais!

Como você já deve entender, este perfil consiste em um conjunto de atitudes e práticas para melhorar o desempenho das suas vendas. Algumas dessas características podem ser parte de um talento natural, mas todas podem ser desenvolvidas com tempo e prática. E é muito importante aprendê-las se você pretende conseguir mais vendas ao longo do tempo.

Quer entender melhor o que compõe um bom perfil de vendedor? Então veja aqui 7 habilidades que você deve começar a desenvolver o quanto antes!

1. Escutar com atenção

Ao contrário do que muitos acreditam, o trabalho do vendedor não é falar sobre o produto até o lead resolver fechar negócio. Pelo contrário, o melhor que ele pode fazer, especialmente em uma primeira abordagem, é escutar tudo o que ele tem a dizer, especialmente no que diz respeito às suas dores e demandas e como proporcionar a melhor experiência de compra.

Pode parecer que isso apenas perde parte do tempo de negociação, mas essas informações são fundamentais para compreender o que o cliente busca e como o produto pode atender a esses pedidos. Além disso, também vale a pena esclarecer se esse produto é realmente útil para a pessoa em questão. Melhor do que um cliente insatisfeito.

2. Desenvolver uma relação de confiança

Algo que deve fazer parte de todo perfil de vendedor é a sua capacidade de transmitir confiança e segurança, especialmente para os clientes que estão mais desorientados em relação à compra. É bem mais fácil para qualquer pessoa aceitar uma proposta de alguém que ela já conhece e confia do que de um estranho.

O segredo aqui é pensar a longo prazo. Uma relação de confiança gera um público fidelizado, clientes que tendem a voltar e comprar mais ao longo do tempo. Quanto mais clientes desse tipo você tiver, mais consistentes tendem a ser os seus resultados. Além, claro, de ser algo bem positivo para sua reputação diante de novos leads.

3. Aprender o máximo sobre o produto

Talvez você não precise ser um expert em relação ao processo de fabricação e todos os detalhes do fornecimento, mas é vital que você entenda, pelo menos, quais são as principais qualidades do produto e suas aplicações. E quanto mais você aprender a respeito, mais preparado estará para fazer um bom atendimento na hora da venda.

Pense em si mesmo não apenas como vendedor, mas também como consultor. Quanto menos dúvidas o lead tiver sobre o produto e como ele será usado para solucionar seus problemas, maiores são suas chances de que ele se torne um cliente. Vale a pena investir algum tempo no estudo do produto para melhorar seu desempenho de vendas.

4. Ter disciplina e persistência

Quem já trabalhou com vendas sabe como essa tarefa envolve mais falhas que sucessos. Mesmo com o máximo de dedicação e conhecimento, ainda é necessário fazer um número relativamente alto de contatos antes de conseguir fechar uma venda. Os melhores vendedores são aqueles que têm uma porcentagem alta, mas ela nunca chega a 100%.

Sendo assim, é vital que esse profissional seja disciplinado e persistente. Uma venda recusada não deve ser um espaço de frustração, mas uma oportunidade de reavaliar a situação. O problema foi sua abordagem? O produto em si? O perfil do cliente era o correto? Estas respostas ajudarão a aprimorar seu trabalho e a garantir mais resultados no futuro.

5. Realizar uma comunicação direta e certeira

Obviamente, habilidades de comunicação têm alto valor para um profissional que passa a maior parte do tempo lidando diretamente com pessoas. Porém, mais do que saber se expressar, ele precisa conseguir transmitir suas ideias de forma direta, certeira e eficiente para transmitir confiança e acelerar o processo de conversão.

Se você começa a falar sobre tópicos avulsos ou abre muitos “parênteses” durante seu discurso, o cliente vai começar a perder interesse e você pode perder uma venda. Ir direto ao ponto, sem perder seu tempo ou o tempo do seu público, costuma ser a melhor estratégia. Afinal, se um vendedor não comunica a utilidade do produto diretamente no primeiro contato, o cliente tende a ficar bem desconfiado.

6. Ter flexibilidade para se adaptar

É possível estabelecer vários pontos comuns em seu atendimento, os quais você pode trabalhar com mais facilidade. Porém, cada cliente ainda é um indivíduo único, exigindo uma abordagem diferenciada para cada caso. Nesses momentos, vale mais a pena se adaptar ao lead do que tentar forçar um discurso pronto na conversa.

Essa habilidade geralmente é desenvolvida com o tempo e experiência à medida que você encontrar mais casos diferentes e tentar solucioná-los com algo novo. Com o tempo e prática, você poderá improvisar facilmente novos argumentos ou direcionar seu discurso para uma qualidade que seja mais interessante para o lead em questão.

7. Ter proatividade

Por fim, um bom vendedor nunca fica parado aguardando os clientes virem, mesmo que esse seja o padrão esperado. Ele vai atrás dos clientes ou os atrai até a empresa, divulga o próprio nome e garante que o produto seja conhecido por todo o público. Especialmente em negócios B2B.

Com um comportamento mais proativo, você pode aproveitar diversas oportunidades de venda antes da concorrência, além de fechar mais negócios. Além disso, muitos clientes apreciam quando o próprio vendedor entra em contato e demonstra mais atenção em relação ao seu público. Com o tempo e uma estratégia bem bolada, isso será bem mais rentável e menos trabalhoso que ficar apenas esperando os leads entrarem em contato.

Com todas essas informações, você já deve estar mais preparado para desenvolver um perfil de vendedor e fechar negócio com mais clientes. Lembre-se de utilizar ferramentas adequadas para otimizar seu trabalho e pensar sempre no retorno a longo prazo.

Você também pode gostar de ver